Três Homens Vazios e Cheios – Segunda Parte

Imagem: Light Dancer pintura de Dorian Vallejo

Imagem: Light Dancer
pintura de Dorian Vallejo

A menina era Alice, ela sentia demais.
Se uma pessoa estava triste, ela sentia a tristeza como se fosse dela.
Por isso Alice evitava o contato com outras pessoas.

Mas naquele dia, algo a impulsionou para sair de casa.
E ela se deparou com aquele homem.
O homem vazio e cheio ao mesmo tempo.

Ele estava a um quarteirão de distância mas ela já podia sentir a sinistra energia que emanava dele.
Alice sentiu sua pele se arrepiar. E com grande terror o ódio preencher sua mente, sua alma, seu coração.
Ela arfou, quase desmaiou.
O mundo ficou vermelho.
Mas não sabia dizer por que seus pés não lhe obedeciam que a arrastavam para perto daquele homem.
Um pânico enorme tomava conta do pouco da consciência que ainda lhe restava.
Uma voz gritava com urgência em sua cabeça:
-Fuja, fuja enquanto ainda pode!!

Mas seus pés não lhe obedeciam
E o ódio e todas as cenas de violência do mais podre e fétido teor lhe invadiram sua mente.
Ela sentiu vontade de matar alguém, torturar, se matar.
Sentiu coisas que nunca sentiu antes.
Sentiu o ódio do mundo.

Era como se sua cabeça fosse partir ao meio. Sentia como se estivesse num sonho.
Sua alma parecia não mais habitar aquele corpo que se corrompeu num monte de emoções e sensações impuras.
Era como se sua alma a estivesse observando. Esperando ela se livrar daquele monte de lixo.
Alice sentia que sua pele , suas entranhas, seus pensamentos
Tudo em seu ser queimava.Numa queimadura que doía mais do que colocar sua mão em óleo fervente e não ter como tira-la de lá.

Ela olhou nos olhos daquele homem cheio e vazio ao mesmo tempo.
Sem ter noção de como tinha conseguido chegar perto dele.
ela gritou .Era horrível aquilo que viu.

Perto dali uma garota de longas tranças douradas observava a tudo.
Perguntou ao ser que se escondia nas sombras:
-Tem certeza que tudo isso é necessário?
Os dois eram invisíveis a olhos humanos.E a seres mais densos também.
– Se não fosse possível a eles suportar o peso, não estaria acontecendo.E foram eles que escolheram.
A garota olhou para aquele rapaz que se misturava com as sombras. E sorriu.
Ele também tinha passado pelos mesmos questionamentos.

O homem vazio e cheio.Agora era apenas um homem vazio.
A menina tinha sugado todo o seu conteúdo.
O homem vazio e cheio estava prestes a explodir, sua pele já estava rasgando.
O mundo não sabia do perigo que correu segundos antes.

A casca do homem flutuou pra cima, pro cosmos.

[Continua…]

Anúncios

4 comentários sobre “Três Homens Vazios e Cheios – Segunda Parte

Faça a Annie feliz! Comente ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s