Eu Superior

meditando

Acabei de fazer a meditação do Eu Superior…
Estou me sentindo estranha.
Vontade de ficar quietinha, e ao mesmo tempo estar em contato com pessoas que eu gosto.
Solidão talvez seja a palavra.
Enquanto eu estava subindo as escadas, visualizei  a montanha, me senti como se estivesse num
elevador, subindo.
Só que de repente eu vi , parecia um macaco muito bravo, acho que demônio da tasmânia
descreve melhor, porque parecia um furacãozinho de tão agitado e bravo que estava.
Ele me mostrava os dentes e rosnava muito, os pelos eriçados. Estava com raiva.
Uma sombra surgiu e pegou ele e o acalentou.
Olhei pra cima. Para o topo da montanha.
Alguém me jogou uma corda.
A sombra se desvaneceu.
E lah estava o Taz(vou chamar assim ;b) rosnando para mim no canto.
Perguntei impulsivamente ;
“Quem é você?”
E ele respondeu. “Você”
E uma grande tristeza tomou conta de mim, por que eu já sabia.
Perguntei a ele porque ele não me deixava subir.
Me disse que se eu ficasse bem, eu teria que cuidar de todo mundo. Que se eu ascendesse,
todo o meu tempo, tudo o que eu ganhasse iria pra cuidar da família, teria muitas
responsabilidades em minhas costas que não eram minhas.
Fiquei mais triste ainda, por que sei que não é verdade, que seu eu conseguisse me libertar,fazer
tudo o q quero, aí sim faria coisas para mim.Finalmente eu iria sair da semente e ser feliz.
Mas sinto que existe uma parte minha que sente aquelas palavras q o taz estava me falando com
todas as forças.
Dei um passo na direção do Taz e disse que tinha que subir. Ele deu um frágil grunhido e a
aparência mudou,ficou mais serena, mas ele se encolheu mais ainda no canto, parecendo muito
assustado e triste. Senti vontade de chorar. E um conhecido desespero.
Respirei fundo. Subi na corda, e fui subindo.
Ao chegar ao topo, a primeira coisa que vi foi um par de pés descalços. Não consegui ir pra terra
firma, fiquei pendurada lá. Uma especie de redoma me impedia a passagem.
Um monge budista estava sentado meditando,olhos fechados.Parecia ser uma
criança ainda. Era muito bom olhar para ele. Uma áurea de paz e serenidade muito grande o
envolvia,ele segurava uma flor de cristal. A flor de cristal que minha alma me deu ( depois irei
contar sobre o encontro com minha alma)
A flor de cristal. É uma flor de lótus linda, notei que ela estava ganhando cores, uma pétala se
tingia de um azul e outra pétala de rosa em tons
suaves iluminados.

Anúncios

4 comentários sobre “Eu Superior

Faça a Annie feliz! Comente ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s